Bem-vindos ao GOT7 Brasil, fanbase brasileira dedicada ao boy group da JYP Entertainment.
GOT7 (갓세븐) é um grupo masculino sul-coreano de hip-hop formado pela JYP Entertainment. Os membros foram vistos pela primeira vez em 6 de setembro de 2013 em um programa da M-Net chamado Who Is Next (WIN). O grupo, com exceção de Youngjae, competiu de igual para igual contra os trainees da YG. A exposição precoce os fez ganhar muitos fãs entre os internautas. Em 24 de dezembro de 2013, JYP anunciou que a empresa iria estrear um novo boy group em janeiro de 2014, dizendo que o grupo seria uma equipe de performance especializada em “martial arts tricking”, que é uma forma de artes marciais que combina acrobacias e b-boying. O grupo teve a sua estreia oficial no dia 16 de janeiro de 2014.



[ENTREVISTA] Jackson e JB na Edição de Fevereiro de 2016 da Revista Grazia Korea

ent jb&js grazia fev2016

GZ: Vocês dois estão se encontrando regularmente recentemente?
JB, JS: (Simultaneamente) Sim!
JS: Não muito tempo atrás, nós dois nos encontramos e bebemos vinho.
JB: Quando a gente se encontra, nós falamos bastante sobre as atividades do GOT7 e nossas questões pessoais. É a primeira vez que fazemos um photoshoot com essa combinação (só nós dois). É divertido.
JS: Também acho. Nós dois combinamos muito bem.

GZ: Os fãs dizem que a personalidade de vocês é oposta…
JS: Sim. Mas nós realmente nos damos bem. Na maioria das vezes, eu sou “high tension”* (energético), mas às vezes eu me sinto muito para baixo. Quando isso acontece, eu procuro muito o hyung.
JB: Eu tenho os meus altos e baixos também, mas não do jeito que o Jackson tem. Por isso acho que nos damos tão bem, já que conseguimos achar um meio-termo entre nós dois.
*High tension é comumente dito no Japão para expressar exaltação/excitamento.

GZ: Parece que é barulhento quando vocês dois se encontram.
JB: Não. Nós dois gostamos de nos ocupar silenciosamente. Nos nossos dias de folga, nós preferimos passá-los o mais quieto possível.
JS: Eu andei pensando na razão (do porque preferimos desta maneira). Não importa o que façamos, quando praticamos ou quando estamos compondo, nós sempre estamos ouvindo música então é provavelmente por causa disso. Nós raramente vamos a lugares como boates também.

GZ: Você tem um cuidado especial (expectativa) sobre os seus dias de folga?
JS: Hum. Eu trabalho sem prestar atenção específica em qualquer um dos dias. Festa na sexta-feira, sábado e domingo? Não tem esse tipo de coisa. Todo dia é segunda-feira “Todo dia é Segunda” (a última sentença foi dita em inglês pelo Jackson).

GZ: Fevereiro e março são os meses dos casais. Vocês são do tipo de prestar alguma atenção especial a esses dias/celebrações?
JS: Ah. Eu vivo sem saber (prestar atenção) a esses tipos de coisas. Só de pensar no meu próximo compromisso de agenda me tira o ar. Eu não gosto particularmente de dias como Dias dos Namorados ou o White Day.
JB: Sou igual nisso também. Tipo, tem que ter um significado especial para esses dias?
JS: Ah, também acho vergonhoso quando você não recebe nada nesses dias (risos).

GZ: Os fãs cuidam disso, não cuidam?
JB: Sobre isso eu sou beeemm agradecido. Apesar de que o dia que eu acho mais importante dos 365 dias no ano é o aniversário. O dia em que eu nasci e os dias em que as pessoas que são preciosas para mim nasceram.
JS: Para mim… O que seria? “Dia das mães e dia dos pais” (mais uma vez dito em inglês). Esses dias são os mais importantes.
JB: Dia dos pais! Tenho que adicionar esse dia também (risos).

GZ: O que vocês principalmente fazem quando estão sozinhos?
JS: Eu continuo praticando. Não existe tempo para descanso. Se o GOT7 quiser seguir por muito tempo, nós temos que continuar praticando.
JB: Eu sou igual. Ou eu estou praticando ou trabalhando em músicas. Mas quando eu estou realmente cansado, eu largo tudo e vou dormir. Dormir e dormir de novo..

GZ: Para o JB, quando você costuma trabalhar nas músicas?
JB: Sempre que tenho tempo livre. Tem momentos em que eu só trabalho nas melodias das músicas e tem outros em que eu penso nas letras. Ultimamente eu tenho me reunido com os sunbaes quando eles estão trabalhando, então eu estou trabalhando em desenvolver/aumentar minhas habilidades.

GZ: Eu ouvi dizer que você tem bastante interesse em fotografia, pintura e em instrumentos.
JB: Se uma oportunidade aparecer, pintura e desenho são áreas que eu gostaria de aprender propriamente. Tirando isso, tem várias outras coisas que eu queria experimentar então eu procurei sobre essas coisas aqui e ali, mas de repente me veio à cabeça “Primeiramente é melhor focar na música”. Portanto esse ano, eu me esforçarei em escrever músicas e focarei somente nas atividades do GOT7.

GZ: Jackson é um MC na versão chinesa de ‘Take Care of My Refrigerator’. Você se dá bem nas filmagens?
JS: Hum… Eu só faço (risos). Classificar ‘bom’ e ‘ruim’ é muito difícil. Em vez de habilidade, a mentalidade é o mais importante. Estar em um programa coreano ou em um programa chinês, no momento em que eu for hábil de fazer tudo isso, eu estarei feliz. Não é um “tenho que” (dito em inglês) ou uma obrigação, mas algo que eu realmente quero fazer.

GZ: Que tipo de MC você é? Estamos curiosos.
JS: Eu pergunto tudo que estou curioso sobre para os chefes e os convidados. Esse é simplesmente meu estilo de apresentar.

GZ: Tem alguma diferença entre (isso e) filmar para o ‘Inkigayo’?
JS: Para o ‘Inkigayo’, é o bastante você se familiarizar você mesmo com o roteiro, mas no ‘Go Fridge’ há muito improviso. Portanto, a responsabilidade é muito grande. Toda hora que isso acontece, eu penso nas palavras que meus pais e meus sunbaes me disseram “Você vai se sair bem”, “Você vai conseguir fazer direito!”

GZ: Quando vocês se sentem irritados ou querem desabafar, quem vocês procuram?
JS: Eu não procuro por ninguém e tento organizar meus pensamentos sozinho. Se eu continuar a dizer que estou passando por um momento difícil, as pessoas que estão escutando terão um também. Especialmente meus pais. Portanto eu estou sempre dizendo para os meus pais que eu estou feliz e vivendo bem.
JB: Eu sou igual. No passado, eu odiava mentir para os meus pais, então se eu estava passando por um momento difícil, eu contaria para eles, mas agora, como o Jackson, eu só conto para eles as coisas boas. Se eu quero continuar a reclamar sobre algo, eu ligo para os meus amigos mais próximos. Mas a maioria deles foi para o exército então nós não temos a possibilidade de nos encontrarmos regularmente (risos).
JS: Ah! Tem momentos em que eu organizo meus pensamentos ouvindo os hyungs falando com eles mesmos. Nessas horas, os pensamentos “Ah, o que eu estou passando é nada (comparado a eles)” passam pela minha cabeça e eu me sinto um pouco melhor.

GZ: Se o objetivo do GOT7 é 100, neste momento, quanto vocês acham que conquistaram?
JS: Hum 20? Nós tentamos coisas aqui e ali e até agora eu não acho que fomos capazes de mostrar o nosso melhor. Se nós quisermos criar/alcançar os 100, vai ser melhor se no futuro nós seguirmos com um único conceito, mas nós temos que achá-lo ainda.
JB: Para mim é uns 40. Minha razão é similar à do Jackson. Como outros sunbaes, eu gostaria que uma imagem distinta viesse quando as pessoas mencionam o GOT7. Como ‘beastly-dols’ é associado ao 2PM.

GZ: Quando vocês estão fora dos palcos, que tipo de pensamento passa pela cabeça de vocês? Até agora vocês estiveram em várias apresentações.
JB: “Ah, (Eu) deveria ter feito desse jeito”, Eu tenho muito esse pensamento. Sempre fico pensando nas partes que me arrependo/poderia ter feito melhor.
JS: Eu sou um pouco diferente do hyung. “Eu estava me divertindo na apresentação mais cedo?” e eu penso sobre os meus sentimentos. Também “As pessoas se divertiram?” – Tenho curiosidade sobre isso também.

GZ: Vocês já pensaram que foi uma boa decisão se tornar um cantor?
JB: Durante o comeback de ‘Just Right’. Os fãs realmente deram uma resposta entusiasmada, em comparação à anterior, também ouvi “A música do GOT7 é boa” mais do que antes. A outra vez foi quando minhas músicas entraram no álbum! Me senti muito bem.
JS: Desde o tempo em que eu praticava esgrima eu já sabia dançar bem. Portanto, todo dia eu penso que foi uma boa coisa me tornar um cantor. Oh, não zombe de mim!

GZ: Eu?
JS: Não, o hyung está rindo ali atrás!
JB: Hahahaha, tudo bem eu não vou rir /
JS: Entretanto, ao não ser limitado ao meu trabalho como cantor, eu me sinto muito bem quando eu sou reconhecido como um multi-artista. Quando as pessoas respondem as minhas palavras, rindo, batendo palmas e se animando… Com pessoas como essas por aí, eu sinto que estou sendo apoiado.

GZ: Nós procuramos pelo vídeo ‘Fall in the fandom’ do GOT7. Foi gravado na sala de prática.
JB: O que é isso?
JS: Eu sei! Já tinha visto.

GZ: O vídeo ‘Fall in the fandom’ é um vídeo compartilhado com as palavras ‘Se você assistir e ainda não se apaixonar pelo GOT7, então você é estranho!’ Que tipo de vídeo vocês recomendariam?
JB: Hum. ‘Fancam do primeiro programa (comeback stage)’ de cada álbum. Já que é uma apresentação onde nós revelamos nosso trabalho duro pela primeira vez, a concentração dos membros é 100%. Apesar de que os membros podem parecer tensos porque estão nervosos sobre ter que subir ao palco, eles dão o seu melhor comparado a outros.
JS: A performance de dança que sempre preparamos para os shows de final de ano. Posso dizer isso com confiança. Até mesmo para os meus olhos, o GOT7 é muito legal. Chega até o ponto de nos lamentarmos por não sermos hábeis de apresentá-la sempre nas nossas outras apresentações.

GZ: Vocês já assistiram as apresentações dos seus sunbaes e pensaram que seria ótimo se o GOT7 pudesse fazer coisas como essas também?
JB: A música do 2PM ‘My House’. Eu realmente quero tentar um conceito que é legal e cheio de sagacidade como aquele.
JS: Eu quero tentar algo mais animado. Um conceito estilo ‘Crazy’ do 2PM, onde você vai à loucura e salta ao redor. Mas como o hyung disse, seria melhor se fizéssemos o (conceito) legal primeiro. Eu sempre disse que queria fazer um conceito forte e de hip-hop, eu espero que no futuro nós façamos algo mais masculino. Como estamos ficando mais velhos, fica difícil assimilar ao conceito fofo.
JB: Realmente. É difícil (risos).

GZ: Nós ouvimos que vocês estão preparando para um novo álbum. Eu acho que vocês poderiam fazer um conceito mais forte dessa vez.
JS: Desta vez… Nós seremos capazes de fazer?
JB: Vamos manter como um segredo! Nós só estamos trabalhando esforçadamente nas músicas. O novo álbum vai sair na primavera.

GZ: Nós seremos capazes de ouvir as composições/trabalhos do JB?
JB: Isso é um segredo também (risos).

GZ: Nós ouvimos dizer que a personalidade do JB é fechada e que ele é honesto em suas emoções, eu acho que é verdade. Agora que nos conhecemos, posso dizer.
JB: Sim, eu sou assim desde que eu era mais novo.
JS: O grande charme do hyung é sua honestidade. Ele não é alguém que esconderia alguma coisa. Se ele faz algo errado, de imediato ele vai reconhecer seu erro e dizer “Eu estou errado”, e se é algo bom, ele vai dizer que é bom.
JB: Isso mesmo. Eu sou alguém que não falo muito e sou tímido com estranhos. Às vezes eu fico com inveja da personalidade do Jackson pois ele não é tímido com estranhos. Mas não é algo que eu gostaria de mudar, é só… Um pouco lamentável?

GZ: Como líder, você tem muitas responsabilidades, então não é por isso que você é mais sério?
JB: Hum, se eu fosse o maknae, eu provavelmente não agiria tão diferente dos outros mais novos. Antes do debut, na equipe de dança, eu era o mais novo e costumava brincar bastante.

GZ: Aos olhos do JB, que tipo de dongsaeng é o Jackson?
JB: Cheio de vida e fofo. Ele sabe como cuidar de alguém primeiro. Você viu como ele me ofereceu um lenço de papel quando estávamos comendo pizza antes, certo?
JS: Mas, hyung, você não precisa me agradecer por isso!
JB: Ah… Mesmo?
JS: (Sussurra) Eu tenho algo para dizer. Na verdade, eu sou o líder do GOT7. Eu sou também o empresário. Sem as pessoas saberem, eu cuido dos membros e conduzo eles muito bem. Mas a pessoa deve reconhecer depois o que eu fiz!

GZ: Isso não seria bem cuidar deles sem o conhecimento deles, certo? (risos)
JS: Primeiro, quando eu cuido deles, isso é feito sem eles saberem. Mais tarde, eu definitivamente vou contar à pessoa “Foi algo que eu fiz”. Mas se eu fizer e a pessoa ainda não me agradecer, eu vou me sentir extremamente triste (sussurra de novo) Quando voltarmos para o dormitório mais tarde, eu definitivamente vou perguntar ao hyung se ele ficou agradecido porque eu dei a ele lenços de papel.
JB: Jackson é diferente do que ele aparenta, ele é extremamente carinhoso e tem muito ciúmes também.

GZ: Mas o estilo de corpo dele é tão másculo.
JB: É por isso que ele é ao reverso.
JS: Minhas coxas são grossas e eu também tenho um monte de cabelo sexy (risos).. Entretanto, as mulheres da minha idade não parecem gostar muito. Quando eu leio comentários, é pelas opiniões que fico chateado. As noonas no final dos seus 20 anos e começo dos 30 gostam bastante apesar disso… Ao longo dessa entrevista, eu preciso dizer às mulheres em seu final de adolescência ao começo de seus 20 anos uma coisa “Todas vocês vão começar a gostar das minhas coxas também, assim como as mais velhas”.
JB: Jackson fica bastante estressado por causa disso. Felizmente, ultimamente o coração dele está mais leve sobre isso.

GZ: É legal de ver que o relacionamento de vocês dois é como se fossem realmente irmãos.
JB: Se olharmos atentamente, somos ‘amigos’. Sou do começo do ano de 1994.
JS: Ele é um hyung, mas a diferença entre o aniversário dele e o meu não passa de um mês e meio. Também, no exterior não tem essa coisa de ‘aniversário-adiantado’, então honestamente eu não preciso chamá-lo de hyung. Ainda sim a razão pela qual eu o chamo de hyung regularmente é porque ele é um hyung bem legal e líder. Em consideração, seria como respeito?
JB: Às vezes Jackson finge esquecer e me chama de ‘너’ (um jeito informal da palavra ‘você’). (risos)
JS: Eu não faço de propósito. Em inglês, ‘Você’ é ‘너’, certo? É porque é um hábito. Quando vim pela primeira vez para a Coréia, eu disse “Hey, você” para o Park Jinyoung PD (JYP). Ah… Até agora continuo ficando confuso.

GZ: Jackson mais cedo pediu secretamente para essa questão ser definitivamente perguntada para o JB. “Se o Jackson e o Junior estiverem se afogando na água, quem você salvaria primeiro”?
JS: Não se sinta pressionado por isso.
JB: Se eu salvar os dois, eu afogo. Eu então não salvaria ninguém (risos).
JS: Não, você tem que salvar alguém!
JB: Então seria assim, eu salvaria o Jackson primeiro e aí..
JS: Está ótimo! Nós não precisamos ouvir a outra parte. Junior, você viu isso?

GZ: Parece que o JB tem algo mais a acrescentar?
JB: Isso mesmo. Você precisa escutar até o fim. Jackson presta bastante atenção a se exercitar, então assim que eu tivesse salvado o Jackson, funcionaria se ele fosse salvar o Junior. Phew.

GZ: Jackson disse que o JB parece gostar mais do Junior (risos).
JB: O que é importante nisso é que eu gosto dos dois. Então eu também irei perguntar para o Jackson uma coisa. Esse ano, para o GOT7 ter reconhecimento (em questão de público), em que precisamos trabalhar?
JS: Hum… Nós todos deveríamos trabalhar duro… Eu acho que todos os 7 deveriam ter ambição… Hum…
JB: Hehehehe… Viu, é difícil de responder, certo?

GZ: Você quer ter mais tempo para pensar?
JS: Não! Eu responderei agora! Para ‘flutuarmos’, não seremos ambiciosos, e devemos trabalhar ainda mais duro para que nós possamos mostrar ao público e fazê-los pensar “GOT7 é bom na música também!”.
JB: Ah, você está sendo detalhista. “Bem, nós devemos trabalhar duro” – Eu achei que você responderia apenas assim… Você superou minhas expectativas.
JS: Ah. Tem algo mais que também é importante. Você deve pensar sobre tudo com sua cabeça… Ah… Como eu falo isso?
JB: Não faça nada sem pensar. Para qualquer coisa que acontecer no futuro, aja racionalmente.
JS: Isso mesmo, hyung explicou bem.
JB: Jackson disse algo legal/suave (risos). Eu tenho os mesmos pensamentos. Nos conectamos bem.

Cr. Revista Grazia Korea (Ed. Fevereiro de 2016); jyp_ram
Tradução kor-eng: haetbitmark
Tradução eng-ptbr: Ellen GOT7 Brasil
Revisão: Mimi GOT7 Brasil